Maranhão e Wilson Santiago lamentam morte do jornalista Nelson Coelho

Candidato a governador pelo MDB, o senador Zé Maranhão lamentou a morte do amigo, jornalista e escritor Nelson Coelho, que foi diretor do Jornal A União, entre 2009 e 2010, no Governo Maranhão. Nelson Coelho morreu de câncer.

“A Paraíba perdeu um grande nome do jornalismo”, comentou o candidato a governador, acrescentando que Nelson Coelho deixa uma lacuna nas artes e no jornalismo paraibano.

O ex-senador e candidato a deputado federal, Wilson Santiago, prestou as condolências e pesar pelo falecimento do jornalista e ressaltou que Nelson deixa um legado de equilíbrio e retidão.

Nota

A Paraíba perde um ícone do jornalismo e, com profundo pesar, venho externar minhas condolências pelo falecimento do ilustre escritor, jornalista e advogado Nelson Coelho. Tive a dádiva de tê-lo como amigo durante toda minha trajetória política e sua partida deixa uma lacuna entre nós.

Me solidarizo com todos os familiares, em especial seus filhos Marcos Coelho, Claudine, Ana Cristina e nosso estimado George Coelho, prefeito do município de Sobrado, por essa grande perda.

Nesses seus 76 anos de vida, Nelson muito contribuiu com o desenvolvimento da Paraíba, no qual tive a honra de conhecer seu trabalho, sempre equilibrado e coerente. Terei sempre em minhas memórias seu jeito sincero e peculiar de falar sobre política.

Lamento sua partida, rogando a Deus que conforte todos os seus filhos e demais familiares neste momento de consternação.

 

 

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: