Prefeitura de João Pessoa lança plataforma digital para facilitar acesso a atividades pedagógicas para estudantes da Rede Municipal de Ensino

 

Estudantes do Ensino Fundamental e, em breve, do programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) poderão, a partir desta sexta-feira (8), ter acesso a atividades e vídeos pedagógicos de forma online. Isso será possível por meio da plataforma Conexão EscoLar, lançada pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Sedec). A plataforma é mais uma das muitas ferramentas que têm sido utilizadas pela gestão municipal para garantir o desenvolvimento escolar durante o período de recesso das aulas.
A plataforma pode ser acessada por meio do endereço www.joaopessoa.pb.gov.br/conexaoescolar. Os estudantes deverão apenas clicar na sala correspondente ao seu nível (1º ao 9º ano) e a partir daí ter acesso a todo o material. As atividades são produzidas pela equipe de formadores da Sedec em colaboração com os professores da rede municipal. A PMJP conta com sistema de ensino próprio, regulamentado pelo Conselho Municipal de Educação de João Pessoa.
Para evitar prejuízos aos estudantes que não possuem computadores e acesso à internet, a Sedec tem utilizado outras ferramentas, incluindo a disponibilização física do material nas instituições. “Não há uma estratégia única para toda a rede. Existem as orientações e encaminhamentos por parte da Sedec sobre o uso de todas as ferramentas, e cada escola usa a estratégia que for mais próxima de sua realidade e que garanta a participação do maior número de crianças possível”, explicou a secretária Edilma Freire.

Ferramentas – Além da plataforma e da entrega do material impresso, a Sedec tem utilizado outras estratégias de conexão com os estudantes. Uma delas é a realização de atividades padronizadas para Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano). Estes estudantes recebem semanalmente, via WhatsApp, atividades construídas com sugestões de professores e vídeos ou áudios explicativos.

Para quem já cursa os anos finais do Ensino Fundamental ou é aluno do EJA, é possível ter acesso aos professores e às atividades por meio de plataformas como o Google Class Room e Google Forms e também pelos grupos de WhatsApp. Essas duas plataformas ajudam na interação e no envio de atividades para os estudantes.

Os pequenos da Rede de Educação Infantil não ficam de fora. Eles participam do projeto Marmita Literária, que também beneficia estudantes de Escolas em Tempo Integral e de outras 15 unidades. O projeto funciona com a entrega de livros paradidáticos e caderno de atividades junto às quentinhas com alimentação. O objetivo de garantir um momento de leitura em família, de forma lúdica e prazerosa.

Escuta Solidária – Para garantir apoio psicológico e emocional às famílias e às crianças nesse período de isolamento, a PMJP lançou também o projeto Escuta Solidária. O serviço dispõe de uma central telefônica grátis com psicólogos/as escolares de segunda a sexta-feira, para auxiliar nesse momento de mudança nas rotinas e trabalhar seus medos, ansiedade e inseguranças.

Veja o vídeo no link abaixo

IMG_8436

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: