Ruy endossa fim de indicações políticas para cargos comissionados e diz que foi ele quem primeiro defendeu essa bandeira na PB

O deputado eleito, Ruy Carneiro (PSDB) endossou a tese defendida pelo também deputado federal eleito, Julian Lemos (PSL) para preenchimento de cargos federais na Paraíba. Coordenador da equipe de trasição do governo Bolosanaro no Nordeste, Lemos garante que não haverá indicações políticas  defende a valorização dos profissionais de carreira.

Para Ruy Carneiro, as regras estabelecidas para o preenchimento dos cargos são modernas e salutar para o bom funcionamento da máquina pública. O tucano ressaltou ainda, que ele foi o primeiro político da Paraíba a defender esses critérios, desde à época em que foi deputado estadual, destacando projetos nessa direção.

“Como eu nunca fiz a política baseada em cargos, acho que colocar regras modernas para preenchimento de cargos públicos, é sempre saudável. Quando fui deputado estadual, apresentei um projeto na época recusado pela casa, que fazia uma escala de aproveitamento obrigatório dos funcionários efetivos em cargos comissionados. Quem começou esse debate no Estado fui eu”, disse.

Questionado sobre o posicionameto político em relação ao Governo de Jair Bolsonaro, Ruy afirmou que vai contribuir com o novo governo, mas destacou independência em relação Bolsonaro. “Vamos buscar contribuir com o governo eleito, que tem respaldo popular. Entretanto, vamos analisar a postura do governo. Nosso intuito é ajudar, mas tendo a independência de quem foi eleito pelo voto popular”, frisou.

Comentários
Fechar Menu