Vice-prefeito de CG defende prudência e responsabilidade para enfrentar o Coronavírus: “É preciso focar em soluções”

 

Em entrevista a uma emissora de rádio, Lucas Ribeiro ressaltou o trabalho de fiscalização e imunização realizado na cidade

Em entrevista a uma emissora de rádio, Lucas Ribeiro ressaltou o trabalho de fiscalização e imunização realizado na cidade
Foto: Junot Lacet

O vice-prefeito de Campina Grande, Lucas Ribeiro, fez nesta terça-feira (9), um balanço das ações municipais diante do cenário atual envolvendo a pandemia de Covid-19.

Durante entrevista a uma emissora de rádio local, Lucas ressaltou o trabalho realizado em prol da vacinação dos idosos, salientando ainda o esforço dos profissionais de saúde e as ações de fiscalização das medidas restritivas estabelecidas pelo decreto municipal que vale até o dia 15 de março.

“Nós já passamos de 14 mil pessoas vacinadas na cidade. Tivemos uma diminuição de 19,33% nos diagnósticos positivos de Covid-19 entre os dias 18 de fevereiro e 4 de março. Além disso, Campina Grande não desativou, nesse um ano que completa-se de situação de pandemia, nenhum leito”, defendeu o vice-prefeito.

Sobre a polêmica envolvendo a nova classificação da cidade em bandeira laranja, que resulta no cumprimento estadual com toque de recolher a partir das 22 horas, Lucas lembrou que o município também tem regras para conter o contágio da doença. Ele pediu prudência e responsabilidade aos gestores e a população para focar em soluções para vencer a Covid-19.

“Ainda no final de fevereiro, o prefeito Bruno fez questão de reunir vários setores da nossa cidade, para ouvir, dialogar sobre como estava a situação e quais medidas restritivas poderiam ser tomadas para que os cuidados contra a Covid-19 fossem aumentados. Isso mostra que o poder público em Campina está atuando para combater esse mal, e se atua é porque reconhece que a situação requer isso”.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: