Saúde orienta que pessoas com sintomas gripais procurem UPAs e USFs; Prontovida será exclusivo para pacientes já diagnosticados com Covid-19

 


As pessoas que tiverem com sintomas gripais devem buscar atendimento em uma das quatro Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) de João Pessoa, nos bairros de Manaíra, Cruz das Armas, Bancários e Valentina Figueiro, ou ainda nas Unidades de Saúde da Família (USFs). A partir desta terça-feira (09), o Hospital Prontovida não receberá mais pacientes com esse perfil e passará a atender exclusivamente pessoas já diagnosticada com Covid-19.

“Nós estamos suspendendo o atendimento de pessoas que procuram o hospital. O nosso atendimento seguirá focado no combate ao Covid-19 e, inclusive, estamos ampliando o número de leitos de UTI nos próximos dias. Pedimos à população que procure uma das UPAs quando tiver com sintomas de Covid-19”, explicou a diretora do hospital, Sabrina Bernandes.

A diretora do Prontovida confirmou que o hospital passará por uma ampliação no número de leitos de UTI Covid. Além disso, ganhará mais dez leitos de Unidades de Decisão Clínica (UDC), que são leitos de estabilização.

Até o próximo final de semana, a quantidade de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) vão mais que dobrar, ganhando 26 novos leitos que se somarão aos 20 já existentes. A ampliação é necessária em virtude da demanda de pacientes com quadros agravados da doença.

Mais leitos – Com foco total voltado para a saúde, o prefeito Cícero Lucena tem trabalhado incansavelmente para tentar minimizar os efeitos da Covid-19 em João Pessoa. Só nas últimas duas semanas, a Prefeitura ampliou em 233,3% o número de leitos de UTI na rede municipal de saúde.

Em alta – Mesmo com todos os esforços da Prefeitura, a taxa de ocupação nos leitos da Capital segue em alta. No último boletim informado, na noite desta segunda-feira (8), a taxa de ocupação de leitos de UTI para adulto na Grande João Pessoa é de 86,8% e de enfermaria é de 80,2%.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: