Apertem os cintos, a prefeita de Bayeux sumiu: Luciene de Fofinho se esconde para não ser notificada em Aije da Sopa; VEJA DOCUMENTO

Alvo de uma Ação de Investigação da Justiça Eleitoral (Aije) por abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio ao fazer uso do programa de distribuição de sopa com fins eleitoreiros, a prefeita do município de Bayeux, Luciene de Fofinho, do PDT, sumiu, desde que ficou sabendo do pedido do Ministério Público Eleitoral para cassar seu mandato.

A oficial de justiça Celestiana Ferreira Lima tentou, durante todo o dia de ontem, quarta-feira (11), mas não conseguiu notificar a gestora por não encontrá-la em lugar algum.

Foram realizadas diligências prefeitura municipal, onde, teoricamente, Luciene deveria prestar expediente, no Centro Administrativo municipal, na residência da prefeita, no comitê central da candidata, e ainda mantido contato com assessores diretos da prefeita, mas ninguém deu pistas sobre o paradeiro da prefeita.

Por conta do sumiço, o mandado foi devolvido a escrivania.

Na Ação, o Ministério Público Eleitoral pede a cassação da prefeita por identificar flagrantemente uso de programas sociais com objetivo claro de angariar votos, o que é vedado pela lei eleitoral.

CONFIRA O DOCUMENTO

DEIXEI DE NOTIFICAR LUCIENE

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: