Em nota, Candidato à prefeitura de Bayeux, Diego do Kipreço desmente acusação de que seria alvo de investigação no MP e vê desespero de adversários

Por meio de nota encaminhada à imprensa na noite desta quinta-feira (04), o candidato à prefeitura de Bayeux, Diego do Kipreço desmentiu a informação de que estaria sendo alvo de uma investigação por parte do Ministério Público acerca de uma denúncia de que teria sido funcionário fantasma da gestão municipal.

Diego responsabilizou o desespero dos adversários pela propagação do conteúdo.

Na nota, ele explica que a denúncia foi feita no último dia 03 de novembro, a doze dias das eleições, o que configura o tom eleitoral da iniciativa. Ressalta ainda que não há abertura de investigação, constando apenas o carimbo de recebimento da correspondência no órgão.

“Não há qualquer despacho ou determinação por parte do Ministério Público de abertura de investigação ou coisa do tipo, constando apenas um simples carimbo de recebimento de correspondência, ou seja, há informação de que há uma investigação não passa de mais uma fakenews”, diz trecho da nota.

VEJA NA ÍNTEGRA

NOTA DE ESCLARECIMENTO AO POVO DE BAYEUX E À IMPRENSA

No dia de hoje, 04/11/2020, foi noticiado na imprensa da Grande João Pessoa uma informação de que a Promotoria de Bayeux estaria me investigando acerca de uma denúncia de que eu teria sido durante um tempo “funcionário fantasma” da Prefeitura de Bayeux.

Em relação a essa notícia tenho a esclarecer:

1) Inicialmente, informo que a denúncia contra mim apresentada é fruto do desespero de alguns candidatos à Prefeitura de Bayeux que percebem à adesão da população as propostas que venho apresentando desde o início dessa campanha, e sem ter nada o que mostrar ao povo preferem atacar a honra alheia.

2) A denúncia em questão foi protocolada no dia 03/11/2020, com o nítido objetivo de ser usada politicamente num debate televisivo que ocorrerá hoje, 04/11/2020 em uma emissora de televisão local.

3) O documento em questão foi protocolado, claramente, a mando de alguém que não teve coragem e sinceridade para fazê-la e usa de terceiros com o objetivo de me atingir politicamente.

4) Não há qualquer despacho ou determinação por parte do Ministério Público de abertura de investigação ou coisa do tipo, constando apenas um simples carimbo de recebimento de correspondência, ou seja, há informação de que há uma investigação não passa de mais uma fakenews.

5) Assim, renovo meu compromisso com o povo de Bayeux de fazer a Mudança Que o Povo Quer, colocando para fora esses que jogaram nossa cidade nas páginas policiais, no caos social e no descaso com o poder público, trazendo para o nosso povo a alegria e orgulho de viver na cidade mais especial da Paraíba, que é nossa amada Bayeux.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: