TJPB abre inquérito para investigar Luciene de Fofinho por peculato

O Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), instaurou um inquérito policial para investigar a prefeita de Bayeux, Luciene Gomes, mais conhecida como Luciene de Fofinho, por supostos indícios de crime de peculato que possam ter sido cometidos pela gestora.

O crime de peculato consiste na subtração ou desvio de dinheiro público ou de coisa móvel apreciável, para proveito próprio ou alheio. A investigação se deu após denúncia do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e foi autorizada nessa terça-feira (27).

Confira documento:

 

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: