VÍDEO: Em palanque, prefeito de São Bento causa revolta ao fazer discurso preconceituoso contra público idoso: “Esse velho, que representa o passado, fica cantando de galo em todo canto”

A primeira ação eleitoral do atual prefeito de São Bento, Jarques Lúcio, do Cidadania, causou perplexidade após os ataques direcionados ao adversário, o deputado Galego Souza (PP) pela maneira pejorativa com que o gestor trata o público idoso, ao insinuar que pessoas com idades mais avançadas representam apenas coisa velha e passado. No vídeo Jarques diz que o deputado Galego, que tem apenas 58 anos, é velho, que representa o passado e ainda canta de galo.

“O velho mesmo, do passado, e aí esse velho que representa o passado fica cantando de galo em todo canto”, disse Jarques. Que ainda completou: ” A impugnação do velho é na urna”.

A fala causou perplexidade até mesmo o ex-deputado Márcio Roberto, que tem a idade semelhante a do Galego, e ficou atônito em cima do palanque ao escutar o discurso preconceituoso do gestor.

Nas redes sociais, muitos idosos se revoltaram com o fato do prefeito não ter sensibilidade com a terceira idade, que, em sua maioria, é quem contribuiu com a economia, fazendo os recursos girarem no município. “Vocês viram aí o respeito que o doutor tem com as pessoas idosas, vocês viram a falta de respeito chamando o Galego de velho do passado. Ele não deveria precisar do voto das pessoas idosas não né, já que ele discrimina tanto a pessoa idosa. Será que ele acha que ele não vai ficar velho não é? A mãe dele é nova? Ele tem gente na terceira idade na família dele e a falta de respeito com o povo idoso foi feio demais, um cara formado”, lamentou um internauta.

Essa não a primeira vez que o gestor faz questão de se diferenciar de seus adversários por conta da idade. Na cidade ele é acostumado a exibir sua vitalidade, chegando até mesmo a ser conhecido como bailarino das campanhas. Dessa vez, além da performance que costuma ter, também se empolgou e partiu para ofensa no campo pessoal ao definir o deputado galego como velho e passado.

Apesar de não ser enquadrado ainda como idoso, já que tem 58 anos, Galego hoje goza de plena vitalidade. Se acorda todos os dias cedo para caminhar, e tem na bagagem vasta experiência, justamente adquirida por conta dos anos de dedicação à vida pública. Sabe de onde veio e aonde pode chegar.

No vídeo, é possível perceber que poucas pessoas aplaudem a fala de Jarques contra os idosos, afinal, todos têm pais, avós e familiares a que estimam como seres humanos, e não como objetos inutilizados por serem mais velhos.

CONFIRA O VÍDEO E OS ÁUDIOS

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: