Vereadores de João Pessoa desistem de reajustar os próprios salários e prometem arquivar projeto

João Corujinha (no detalhe) e os membros da mesa diretora decidiram que projeto do reajuste salarial será arquivado. Foto: Divulgação/CMJP

Os vereadores que forem eleitos para a próxima legislatura na Câmara Municipal de João Pessoa terão os salários congelados. Essa foi a decisão da mesa diretora, oficializada nesta quinta-feira (2). A decisão ocorre um dia depois de o blog publicar que a matéria estava em tramitação na Casa desde dezembro do ano passado. O presidente do Legislativo, João Corujinha (Progressistas), um dos que subscreveram a proposta, disse que a discussão do tema, em meio à crise, é inoportuna.

A decisão de arquivar a matéria ocorre em meio ao movimento dos vereadores de várias Câmaras Municipais para reajustar os salários. Corujinha, por outro lado, disse que não haveria clima para a discussão do tema em meio à pandemia do novo Coronavírus e o agravamento da crise econômica. “Não é momento para se pensar nisso. Os vereadores estão há oito anos sem aumento e devemos completar 12 anos sem aumento até o fim desta legislatura. É um projeto a ser arquivado”.

O último reajuste nos salários dos vereadores foi concedido em 2012, para valer a partir de 2013. O montante fixado naquela época foi de R$ 15 mil. A proposta atual era de reajuste para R$ 18,8 mil. Corujinha disse que o parlamento é sensível ao atual momento atípico vivido pela população em meio à pandemia e por isso os parlamentares permanecerão sem reajuste, até o fim desta legislatura.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: