PSL se impacienta com MDB e ameaça lançar candidatura própria para Prefeitura de João Pessoa

Com segundo maior fundo eleitoral, perdendo apenas para o PT, PSL pretende assumir papel protagonista nas eleições em João Pessoa. Após apostas e frustração com o pastor da Cidade Viva, Sérgio Queiroz, e depois com o comunicador Nilvan Ferreira, que preferiu se filiar ao MDB para disputar a Prefeitura de João Pessoa, o partido avança no sentido de lançar candidatura própria na disputa eleitoral em João Pessoa.

O partido “flertou” com a candidatura do juiz aposentado e psicólogo, Fabiano Moura de Moura, mas as tratativas não avançaram. Nos últimos dias, no entanto, cresceram os entendimentos para que o deputado federal e presidente do partido na Paraíba, Julian Lemos, entre na disputa. O parlamentar estaria muito inclinado a participar das eleições.

Embora negue, publicamente, Julian não admite o fato de ser preterido por Nilvan Ferreira (MDB). Nos bastidores, o comentário é que o deputado não engole ter lançado Nilvan na corrida eleitoral em JP e vê-lo disputar o pleito por outra legenda. Além disso, o PSL a vaga de vice na chapa do MDB, mas não tem recebido garantias da cúpula do partido, que tenta negociar a vaga com outras siglas.

 

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: