João Azevêdo anuncia decreto para estender quarentena até 3 de maio

João Azevêdo não pretende flexibilizar o funcionamento do comércio. Foto: Francisco França/Secom-PB

O governador João Azevêdo (Cidadania) vai editar novo decreto ampliando o confinamento e o consequente fechamento do comércio. A data para o retorno das atividades era domingo, dia 19, mas o gestor decidiu ampliar. Em conversa com o jornalista Laerte Cerqueira, da TV Cabo Branco, ele apontou o dia 3 de maio como nova data para o fim da quarentena.

O governador justificou a medida como necessária para tentar frear o crescimento dos casos de Coronavírus no Estado. Até o momento, 136 casos foram confirmados e 16 pessoas morreram em decorrência da pandemia. O secretário de Saúde, Geraldo Medeiros, disse que a previsão é a de que o pico do contágio, no Estado, ocorra entre os meses de abril e maio.

A data da publicação do decreto ainda não foi revelada. O gestor deve manter o rigor dos textos anteriores. Com isso, o confinamento deve ser respeitado em todas as cidades onde foram registrados casos até o momento. É a situação de Campina Grande e Patos, por exemplo, onde os prefeitos fazem planos de reabrir o comércio.

Romero Rodrigues (PSD) prometeu um decreto para abrir o comércio em Campina Grande a partir da próxima segunda-feira (20). Neste caso, de acordo com o procurador-geral do Estado, Fábio Andrade, o caso poderá ser judicializado. O entendimento do governo do Estado é o de que o decreto mais restritivo deve valer em relação à quarentena.

Além de Campina Grande, há casos de Coronavírus registrados em João Pessoa, Cabedelo, Patos, Sousa, Igaracy, Junco do Seridó e Serra Branca.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: