“Há risco grave de Livânia continuar a perpetuar os crimes caso permaneça em liberdade”, diz desembargador em setença

Na sentença em que determinou a prisão preventiva da secretária de Administração do Estado, Livânia Farias, o desembargador Ricardo Vital, justicou alegando que em virtude do cargo ocupado, há o risco de Livânia continuar perpetuando os crimes a ela imputados, caso permanecesse em liberdade.

A secretária foi presa no início da noite deste sábado (16) ao desembarcar no aeroporto Castro Pinto. Livânia foi levada para a Acadepol, em Jacarapé  mas segundo a determinação da justiça, ela deve ser encaminhada para o 6° Companhia de Polícia Militar, em Cabedelo.

 

Este post tem 3 comentários

  1. Ora Livânia está , e manteve-se no cargo graças aos chefões, RC, grande idealizador e defensor das OS, e da CRUZ VERMELHA.
    O governador JA,que insistiu e persistiu e até mesmo deve ser a permanência da secretaria no cargo, TEEM MUITO A RESPONDER. Até porque, existem indícios de desvios de recursos , conforme relatado, para patrocinar a farra da politicagem girassol, e as campanhas políticas de seus afiliados, inclusive JA.

  2. ACREDITO QUE A GRANJA SANTANA DEVA ESTAR UM REBOLIÇO.
    DEVE TER MUITO NEGO COM O FUNDO DA CUECA TODA SUJA NESTE MOMENTO.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu