Comissão Processante aprova pedido de cassação de Berg e votação na Câmara de Bayeux já tem data marcada

A Comissão Processante aprovou, por unanimidade, nesta quinta-feira (20), o pedido de cassação do prefeito de Bayeux, Berg Lima. O relator, vereador Roni Alencar votou pela cassação e foi acompanhado pelo vereador Guedes da informática e o presidente da Comissão, vereador Lico.

A Comissão Processante marcou para o dia 29 de dezembro, um sábado, a votação do pedido de cassação. Para cassar Berg Lima são necessários 12 dos 17 votos dos vereadores. Berg é acusado, nesse processo, de cometer irregularidades na contratação de veículos para prefeitura.

Berg reassumiu a prefeitura de Bayeux nessa quarta-feira (19), após decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba. Ele ficou 17 meses afastado do cargo depois que foi preso em flagrante, acusado de cobrar propina a um fornecedor do município em troca da liberação de pagamentos atrasados na gestão anterior.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: