Vereador do PCdoB diz que tentativa de assassinato a Bolsonaro é atentado contra democracia

O vereador licenciado de João Pessoa e secretário de Defesa do Consumidor, Helton Renê (PCdoB), foi mais uma autoridade a repudiar o atentado contra a vida do presidenciável, Jair Bolsonaro. Apesar de ser filiado ao Partido Comunista Brasiliero, legenda ideologicamente contrária às ideias de Bolsonaro, Renê foi o único vereador a demonstrar a se manisfestar sobre o fato. Para ele, a tentativa de assassinato simboliza um atentado à democracia.

“Independentemente de qualquer postura política-partidária e ideológica que defendo, quero prestar solidariedade ao candidato Jair Bolsonaro. O que ocorreu hoje não foi só um atentado à vida de um presidenciável, o que já é greve pelo simbolismo, mas um atentado à nossa democracia”, afirmou.

Helton disse que o princípio basilar da democracia é o respeito às diferenças em todas as esferas e lamentou a postura de pessoas que usaram as redes socias para disseminar mais ainda o ódio, a violência e a intolerância.

“Se nós, quanto povo, não suportarmos conviver com as mais diversas correntes e diferenças na nossa sociedade, nós não merecemos essa democracia que foi conquistada a preço de muitas lágrimas e sangue pelos nossos antepassados. Precisamos urgentemente de uma profunda reavaliação de nós mesmos como povo e nação, pois o que vi de manifestações nas redes sociais de apoio ao atentado é algo surreal e que me causa pavor. Nada justifica o que ocorreu hoje”, concluiu.

Veja o vídeo:

 

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: