Retorno de Luiz Antônio pode ser julgado nas próximas horas e Noquinha convoca reunião de emergência com aliados

O Hábeas Corpus impetrado pelos advogados de defesa do vice-prefeito de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), pedindo o retorno do tucano ao cargo, já está no gabinete do ministro do Superior Tribinal de Justiça, Sebastião Reis Júnior, concluso para julgamento. Para defesa do vice-prefeito, o pedido pode ser julgado a qualquer momento. A expectativa deles é pelo retorno do vice ao comando da prefeitura.

Ao tomar conhecimento da informação, o prefeito interino, Mauri Batista, Noquinha (PSL), cancelou a agenda da tarde desta segunda-feira (2) para se reunir com os vereadores aliados, na Granja Refúgio dos Guerreiros, no Mário Andreaza. Na quarta (4), a câmara votará o pedido de cassação de Luiz Antônio. O parecer da comissão é pela cassação, mas são necessários 12 dos 17 votos.

Para colocar mais lenha na fogueira, o autor da denúncia contra Luiz Antônio, o ativista político Ari Júnior, revelou ao Blog do Anderson Soares que vai pedir à câmara a retirada da denúnica contra o vice-prefeito. Ele alega descontentamento com o tratamento dado pelo prefeito afastado, Berg Lima, aos aliados de primeira hora.

20180402_164959

 

 

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: