Em nota, PCdoB defende aliança no campo democrática e popular entre Ricardo e Cartaxo

O partido Comunista Brasileito (PCdoB) defendeu durante evento de comemoração dos 96 anos, no sábado passado, a reaproximação entre o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o presidente de João Pessoa Luciano Cartaxo (PV). Segundo o partido, faz-se necessário unir o campo democrático para a Paraíba continuar avancando.

Confira a nota:

PARTIDO COMUNISTA DO BRASIL
COMISSÃO POLÍTICA ESTADUAL

UNIR O CAMPO DEMOCRÁTICO PARA A PARAIBA CONTINUAR AVANÇANDO

A crise política e social instaurada com o golpe que em 2016 destituiu a presidenta eleita, influencia, por sua natureza sistêmica, as forças políticas em disputa. É inócuo pensar em projeto estadual sem se referenciar a que rumo seguirá o país, num contexto de encruzilhada: persistir com o atual modelo, ultraneoliberal, que asfixia a economia e reprime o crescimento ou romper com este modelo e apostar num Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento, autônomo, com distribuição de renda.
Esta encruzilhada se expressa na política através daqueles que sustentam o governo golpista, de forma aberta ou envergonhada e os que se colocam na defesa da democracia, da soberania e riquezas nacionais, dos direitos sociais e trabalhistas, das conquistas civilizacionais.
Essa demarcação de campo, para o PCdoB se coloca ainda mais necessária em face do fato das próximas eleições serem gerais, elegerão presidente, governador, senador, mas também as casas legislativas estaduais e o Congresso Nacional, arena das grandes contendas, onde os interesses populares vêm sendo um a um golpeados.
A luta por uma ampla frente política é o compromisso maior do PCdoB. Uma frente capaz de unir a esquerda e forças de centro em torno de um programa mínimo que retome o rumo democrático, restitua os direitos suprimidos, defenda o patrimônio e as riquezas nacionais e que seja capaz de retomar o crescimento econômico. A pré candidatura de Manuela D’Ávila a presidência da república pelo PCdoB vem jogando papel neste debate.
Com esta visão o PCdoB defende e se esforçará para construir uma aliança ampla para as eleições de outubro, envolvendo os partidos e personalidades do campo de esquerda e democrático para confrontar os partidos e lideranças que dão sustentação ao governo Temer e exercem ou exerceram papel saliente no golpe, no desmonte do Estado Nacional e na retirada de direitos sociais e trabalhistas.
Considera o PCdoB que a desistência do Prefeito Luciano Cartaxo em disputar o governo do Estado e sua recente filiação ao PV, favorecem a essa perspectiva de conformar uma grande aliança política do campo democrático e popular. Defendemos que estas forças – particularmente suas principais lideranças, o governador Ricardo Coutinho e o prefeito Luciano Cartaxo – estabeleçam uma agenda de diálogo de alto nível para construir convergências de interesse da Paraíba e do Brasil.
Com esta indicação, a Comissão Política Estadual do PCdoB, aponta para o fortalecimento de seu Projeto Eleitoral no campo das forças de esquerda, democráticas e populares. Coloca como meta, retomar seu lugar na Assembleia Legislativa e lutar por uma vaga na Câmara Federal superando a cláusula de desempenho e se coloca aberto à discussão de composição na chapa majoritária.
Assim, o PCdoB, que comemora seus 96 anos de existência, convoca todos seus militantes, amigos e simpatizantes a persistirem na luta. A manterem-se alertas nas ruas, nas mobilizações democráticas, contra os ataques das forças direitistas, especialmente na defesa do ex- presidente Lula, do que ele representa e do seu direito de ser candidato. Convoca todas as organizações partidárias, todos os vereadores e lideranças do Partido que atuam nos movimentos sociais para abraçarem o Projeto Eleitoral do Partido e levarem os comunistas paraibanos a grandes vitórias.

João Pessoa, 24 de março de 2018.
A Comissão Política Estadual do PCdoB da Paraíba

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: