Indignado com decisão do TRE, RC diz que é ele quem decide qual secretário participa do ODE

O governador Ricardo Coutinho (PSB) reagiu com indignação nesta sexta-feira (23), a decisão do desembargador Carlos Beltrão de proibir a participação do secretário João Azevedo, pré-candidato ao Governo do Estado, das plenárias do Orçamento Democrático. Na sentença, o desembargador também proíbe manifestações do governador que exaltem Azevedo.

Ricardo disse que espera que a corte do TRE reveja a decisão o mais rápido possível. Para ele, é incabível a justiça proibir um agente político de falar sobre eleições e o futuro da Paraíba e mais ainda, vetar a participação legítima de um secretário em eventos do Governo do Estado.

“Fiquei espantado com essa decisão monocrático onde se proíbe João Azevedo de participar das plenárias e mais ainda: me proibir de falar sobre eleições, de futuro. Como é que um político não pode falar de eleições? Espero que a decisão seja revista imediatamente. Essa é uma medida extrema. Ele é secretário. Quando ele sair, aí sim ele não poderá apresentar a plenária, mas quem determina quem vai apresentar o Orçamento Democrático sou eu.  Se quiser que seja o secretário A, B ou C vai ser A, B ou C. É assim que funciona”, declarou.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: