Cássio vai conversar com Cartaxo e acredita que decisão do prefeito pode ser mudada: “Ainda há prazo para isso”

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB), disse na manhã desta sexta-feira (2), após se reunir com lideranças tucanas, no escritório dele, em João Pessoa, que o partido só vai se posicionar sobre o rumo que deve tomar, após ouvir o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD). Cássio se disse surpreso com a decisão de Luciano e revelou que vai conversar com o prefeiro ainda este fim de semana.

“Nós vamos nos manisfestar só após uma conversa com o prefeito Luciano Cataxo. Ontem, assim como todos, fomos surpreendidos coma  decisão dele de abdicae de disputar o governo. Não havetá nemhuma manifestação antes de uma conversa com o Cartaxo, o que deve acontecer nesse final de semana.

O tucano disse que respeita a posição de Luciano sobre os prazos estipulados, mas ressaltou que é normal os partidores terem o seu próprio tempo. Segundo Cássio, desde 2016, o movimento do PSDB era de fortalecer o nome de Luciano Cartaxo, quando abdicou da vaga de vice-prefeito para construir o dialogo em torno da candisatura dele. “Todo movimento politico foi feiro dessa forma”, declarou.

A oposição, segundo Cássio, tinha três pré-candidaturas, com Romero, Maranhão e Cartaxo e agora, em tese, tem duas. “Ninguém garante que ele (Luciano) possa, por exemplo, fazer uma reflexão e rever essa decisão porque tem prazo para isso ainda. O prazo para desincompatibilização é 7 de abril. Até lá, vamos continuar conversando. A reunião contou com participacão de Ruy Carneiro, presidente estadual do PSDB, o deputado federal Pedro Cunha Lima, os deputados estaduais Bruno Cunha Lima, Camila Toscano, o prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano e Cícero Lucena.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: