Pressão: Executiva Estadual do PSB orienta vereadores do partido a votarem pela cassação de Luiz Antônio

Um fato novo pode modificar o resultado da votação do julgamento do prefeito interino de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB). Uma resolução do partido, assinada pelo presidente estadual do PSB, Edvaldo Rosas, determina que os quatro vereadores da sigla votem pela cassação do tucano.

Lico e Kita já votam a favor da cassação. Entretanto, a vereadora Luciene de Fofinho e cabo Rubens votam contra a cassação. A desobediência à determinação do PSB implica em infidelidade partidária, o que pode gerar perda do mandato. Segundo informações de bastidores, os socialistas pró-luiz devem se abster da votação, o que ajuda o prefeito, já que são necessários 12 votos para cassação.

Confira a resolução do PSB:

20180220_125042

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: