Jeová Campos frustra planos de suplente e descarta licença médica da ALPB

O tratamento que o deputado Jeová Campos (PSB) fará para tratar de problemas na voz serão realizados sem alterar muito a rotina do parlamentar, já que ele não precisará se submeter a nenhum procedimento cirúrgico. Por isso, ele não mais precisará tirar uma licença médica como havia anunciado anteriormente, nem se afastar de suas atividades cotidianas na ALPB. Ele apenas diminuirá o ritmo de sua agenda neste final de ano e começo do próximo. A decisão frustra os planos do suplente, Dr. Juca (DEM), que obteve quase nove mil votos em 2014.

“Os exames a que me submeti dão um indicativo que o tratamento será medicamentoso, além de exercícios de reeducação vocal e descanso da voz que terei que fazer, no máximo irei diminuir meus pronunciamentos na ALPB e o ritmo de debates sobre a reforma da Previdência e outros temas que fazem parte de minhas defesas como parlamentar. Vou aproveitar o recesso de final de ano para e cuidar”, afirmou Jeová, lembrando que seu problema de saúde, que tem comprometido sua voz, não é nada grave, felizmente.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: