Professores do Lavid/UFPB visitam a TV Câmara para estreitar parceria

Professores do Núcleo Lavid do Centro de Informática (CI) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) estiveram nesta quarta-feira (12) na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) afinando a parceria que teve início no último dia 7 de julho, quando a Mesa Diretora participou de uma audiência com a reitora Margareth Diniz. O convênio prevê a troca de conteúdos entre as TVs Câmara JP e UFPB, além do uso de aplicativos desenvolvidos pela universidade federal.

“A UFPB é um celeiro de inovação, com ótimos projetos para atender a população. Queremos unir a UFPB e a Câmara, no sentido de dar à João Pessoa uma prestação de serviços ainda melhor”, comentou o presidente da CMJP, vereador Marcos Vinícius (PSDB).

Acompanhado pelo diretor da TV UFPB, Bob Wagner, os professores Raoni Kulesza e Tiago Maritan explicaram as exigências técnicas para a implantação de aplicativos de interação para TV digital, a exemplo do VLibras, que traduz para libras, o conteúdo exibido pela TV.

“A ideia é que TV Câmara JP seja a incubadora da utilização do Vlibras na televisão, o que pretendemos fazer nos próximos dias. Isso fará a Paraíba ser a pioneira no uso do VLibras na TV”, comentou Kulesz.12.07.17_TVCâmara_UFPB_foto_juliana 095

Para uma plateia composta pelos profissionais de Comunicação da Câmara – o secretário Janildo Silva, os diretores de jornalismo, André Cananéa, rede social, Xhico Raimerson, TV Câmara, Jander Falqueto, e o coordenador de informática Pablo Rocha – os professores demonstraram as potencialidades da TV digital.

No começo de julho, o Ministério das Comunicações autorizou o sinal digital da TV Câmara JP, além da Rádio Câmara FM.

Para o secretário Janildo Silva, a troca de conteúdos entre as TVs Câmara JP e UFPB irá beneficiar o telespectador com um conteúdo ainda melhor de cidadania, cultura e educação, foco da programação de ambas as TVs. “Muito importante e salutar trazer junto com essa parceria a técnica e a tecnologia da UFPB, já que o Lavid criou o ginga e é referência em interatividade para TV”.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: