Maranhão nega indicação do PMDB para Embratur: “Decidimos sair do governo”

O senador José Maranhão, presidente estadual do PMDB, negou nesta sexta-feira (11), que a indicação do paraibano Gilson Lira para a Presidência da Embratur tenha sido feita pelo partido.

Pela aproximação com o deputado Veneziano Vital do Rego (PMDB), se especulou que a indicação seria da cota do parlamentar, porém, Maranhão rebateu a informação. Ele lembrou que Veneziano votou pela entrega dos cargos ao governo.

“Duvido que Veneziano tenha feito a indicação, já que a decisão da Direção Nacional, por aclamação, foi pelo afastamento do governo e ele esteve presente e votou a favor. Decidimos sair do governo e todos da Paraíba acataram a decisão”, afirmou.

A reportagem do blog do Anderson Soares entrou em contato com Gilson Lira e ele negou qualquer indicação política. Lira disse que assume interinamente a função.

“No momento estou como presidente substituto da Embratur. Acredito que em breve devo retornar para a Diretoria. De todo modo, os esforços seguem em direção ao nosso Brasil Olímpico”, afirmou.

Comentários
Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: